Como se tornar um profissional avaliador de imóveis?

O mercado de trabalho para o avaliador de imóveis é bem amplo e cheio de oportunidades. Não é para menos que muitos optam por seguir essa carreira, até mesmo quem já atua no campo de imóveis.

Portanto, caso você também esteja com essa opção em mente, continue lendo esse conteúdo para saber o que é preciso para trabalhar nesse setor.

Como se tornar um profissional avaliador de imóveis?

avaliador de imoveis

 

A avaliação de imóveis é uma área que se expande mais a cada dia, sendo bem lucrativa e promissora. Afinal, a demanda por esse tipo de serviço é grande.

Dessa forma, apesar de ser um mercado competitivo, há grandes oportunidades para quem deseja atuar no ramo.

De modo geral, o avaliador de imóveis é aquele que tem especialização nesse setor. Ele é o responsável por definir qual o valor real de um imóvel e pode atuar tanto de forma anônima como também pode atuar dentro de empresas.

Caso você queira ser uma avaliador de imóveis, mas ainda não sabe o que é preciso e por onde começar, basta conferir logo abaixo o que é preciso!

Obter certificado

Seja online ou presencial, para ser um avaliador de imóveis, assim como em qualquer outra área, é preciso ter habilidades técnicas. Mas, o primeiro passo, é ter o devido cadastro como corretor no CRECI, Conselho Regional de Corretores de Imóveis.

Esse cadastros servem para permitir que a pessoa possa atuar em sua área. Contudo, o título só é obtido após concluir um curso superior em Gestão Imobiliária, mas o CRECI também conta com um curso próprio nessa área, entre outros locais.

Sendo assim, essa seria uma outra opção que habilita a exercer a avaliação técnica de imóveis. Ou seja, o primeiro passo é estudar de forma adequada e começar a preparar-se para atuar dentro desse mercado.

Vale notar que, apenas os cursos que têm uma aprovação do Ministério da Educação (MEC), do Conselho Federal dos Corretores Imobiliários (COFECI) e também do Conselho Estadual de Educação, são aceitos.

Após concluir o curso, você já poderá começar a exercer suas funções como avaliador de imóveis. Como dito antes, a maioria prefere trabalhar de forma autônoma, mas nada impede você de prestar os seus serviços em empresas de imóveis, etc.

Quais são os conhecimentos básicos que precisa ter?

Assim como dito no início desse conteúdo, como em qualquer outra área, não basta apenas ter a formação, é preciso também ter uma série de conhecimentos básicos. Afinal, essa é uma área que está sempre passa por novas mudanças.

Além disso, também há muita competição no mercado, por isso é sempre importante ter diversos conhecimentos para aperfeiçoar com o tempo. Sendo assim, veja logo abaixo alguns dos conhecimentos básicos que é preciso ter para ser um bom avaliador de imóveis!

Tendências do mercado

Não há dúvidas de que as demandas do mercado de imóveis exercem direta interferência na valorização de patrimônio. Dessa forma, um avaliador deve sempre estar por dentro de todas as novidades do setor, tanto de sua região como geral.

Legislação

Além de ter noções básicas sobre a área de imóveis, também é preciso conhecer quais são as leis que permeiam o segmento. Que vão desde o tamanho dos terrenos, até as limitações de modificações, entre outras.

Ou seja, para que possa fazer um serviço mais amplo e completo, é preciso que você saiba o que a lei diz a respeito. Assim como também é crucial informar-se com relação as normas municipais.

Embora há leis federais que se aplicam em todos os Estados, é comum que certas cidades tenham as suas próprias regras.

Engenharia/Arquitetura

Apesar de não ser necessário ter formação em engenharia ou arquitetura, ainda assim é essencial ter algumas noções básicas sobre estruturas. Pois, assim será possível avaliar se há chances de um imóvel ter comprometimento de algum jeito.

avaliador

 

Conclusão

Bem, agora que você já sabe o que é preciso para ser um perito avaliador de imóveis, já poderá começar a estudar. Lembre-se de escolher um curso que seja seguro e adequado, para que assim você possa exercer suas funções dentro da lei.

E não esqueça de compartilhar esse conteúdo com os seus amigos que também tenham interesse de atuar nessa área promissora e em constante evolução!

Já falamos aqui em outro artigo tambem sobre como trabalhar no banco do brasil, leia e aproveite

Sugestões pode deixar nos comentarios

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.