Sacar FGTS Inativo: saiba como fazer

Spread the love

Tem dinheiro preso em contas antigas do FGTS? Aprenda a sacar FGTS inativo com nossas super dicas!

Uma das maiores vantagens que você tem quando se torna autônomo ou começa a empreender é que você tem algumas possibilidades de fundos que serão um tanto quanto inesperados e extremamente bem vindos. Uma deles, sem dúvida, é o FGTS Inativo e seu saque, que tem um procedimento simples, mas que muitas vezes é muito mal explicado, e que acaba gerando retornos incessantes ao banco sem necessidade.

Vamos falar mais de como sacar FGTS inativo, os procedimentos que você tem de fazer, os prazos que você tem de respeitar e cumprir para que esses valores estejam disponíveis na sua conta e outros detalhes importantíssimos para você conseguir sacar FGTS inativo.

Quando se torna possível sacar FGTS Inativo?

sacar fgts inativo

Sacar o FGTS inativo pode ser feito quando você tem mais de 3 anos sem nenhum tipo de depósito nas contas associadas do FGTS. Ou seja, quando você tem mais de 3 anos sem nenhum trabalho com carteira assinada você passa a ter direito a sacar o FGTS inativo.

Exatamente por isso esse benefício acaba sendo ainda mais interessante para quem já não depende mais de contratos CLT para seu sustento e prosseguimento da sua carreira. Além disso, é indispensável entender que sacar FGTS inativo tem profundo impacto negativo na sua aposentadoria pelo INSS, já que estes valores deixam de compor o saldo final da sua aposentadoria.

Dessa forma, apesar de ser um excelente acréscimo no curto prazo, estes valores precisam ser investidos adequadamente para que se tenham um impacto positivo no seu futuro. Considere guardar todo este dinheiro ou investi-lo em tesouro direto ou ainda em outras formas de investimento para o médio e longo prazo.

Quais são os procedimentos para sacar FGTS inativo

fgts

Agora que já explicamos algumas formas de investir o saldo do FGTS inativo, vamos explicar os procedimentos para sacar FGTS Inativo:

O saldo do FGTS inativo só pode ser sacado quando você tiver mais de 3 anos da sua última demissão, e mesmo assim só pode ser sacado no mês do seu aniversário.

Para sacar esse valor, é necessário ir até uma agência da Caixa com estes documentos:

Xerox do RG

Xerox do CPF (caso o RG não possua o número).

Xerox das seguintes páginas da Carteira de trabalho:

  • Identificação (os dois lados)
  • A numeração do PIS
  • As cópias dos contratos das empresas cujas contas associadas você vai sacar.
  • A última página em branco, para comprovar que você não tem nenhum outro contrato de trabalho ativo ou que ainda não tenha completado 3 anos.

É importante discernir sacar FGTS inativo do saque do FGTS que foi aprovado em medida provisória, que será feito de forma mais similar ao abono salarial.

 

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *